top of page
  • Foto do escritorPriscila Lemes Marques

Como garantir a segurança do trabalho na construção civil?

A Construção Civil é uma área em que pode ser bastante trabalhoso lidar com todas as negativas da equipe com relação à segurança.

Como é um meio em que o trabalho braçal é constante, a equipe apresenta com frequência resistência para usar os equipamentos de proteção individual e coletiva como é recomendado.

Com isso, acidentes acontecem, obras atrasam, sonhos se perdem…

Portanto, cabe ao gestor da obra administrar esses conflitos e implementar soluções capazes de minimizar os riscos.

Veja aqui como proceder.


Trabalhadores da construção
Trabalhadores da construção

1. Deixe claro de quem são as responsabilidades

Você não deve e nem precisa assumir todas as responsabilidades com relação à segurança sozinho.

Invés disso, deixe claro para toda equipe quem é responsável pelo que.

Em geral, cada um é responsável pela própria segurança e pelos equipamentos de uso individual.

Já com relação aos equipamentos de proteção coletiva, estabeleça responsáveis pela instalação, armazenamento e cuidados em geral.

Dessa forma, toda equipe carrega um pouco de responsabilidade e sabe que, se não cumprir com as normas, poderá sofrer sanções.

Essa divisão é importante para a evolução da equipe na mentalidade quanto à própria segurança e de outras pessoas.

2. Use o PGR: Programa de Gerenciamento de Riscos

Esse é, talvez, um dos documentos mais importantes dentro da construção civil para implementar todas medidas de segurança necessárias no canteiro de obras.

Em outras palavras, é através do PGR que você irá mapear, documentar e listar todos os riscos presentes no canteiro de obras em que está trabalhando atualmente.

Em seguida, seu papel será categorizar os riscos e encontrar maneiras de minimizá-los ou eliminá-los.

Com o PGR, nada irá escapar ao seu mapeamento e os riscos são, praticamente, dizimados no canteiro de obras.

Além disso, é um documento obrigatório para o andamento da obra. Portanto, utilize-o não só como norma padrão, mas como parâmetro para proteger os trabalhadores.

3. Siga corretamente todas as etapas da obra

Esse é um passo que parece bobo, mas que faz toda diferença quando o assunto é segurança do trabalhador.

Quando uma etapa é pulada ou feita na ordem contrária, é quase certo que os equipamentos disponíveis não são suficientes ou adequados para fazer a segurança da equipe.

Ademais, isso pode comprometer a estrutura da obra, colocando em risco não só a vida da equipe, como também dos futuros moradores ou trabalhadores deste local.

4. Use e proteja escadas, rampas e passarelas

Na PROTEC, nós contamos com proteções específicas para esses espaços do canteiro de obras.

Por serem necessários para o andamento da obra, mas também apresentarem riscos pela altura, limitação de espaço e degraus, você precisa proteger o trânsito dos colaboradores.

Portanto, solicite agora mesmo seu orçamento para manter sua equipe protegida.

5. Atenção para o trabalho em altura

Esse é um dos maiores riscos dentro de um canteiro de obras.

Isso porque uma queda de um profissional de uma grande altura ou de um objeto em cima de alguém que está passando pela obra pode ser fatal.

Com isso, esteja atento para os profissionais da sua equipe que estão realizando o trabalho em altura e manter as proteções em dia.

A PROTEC oferece Linha de Vida para proteção dos trabalhos em altura, além das proteções periféricas para evitar que ferramentas caiam de grandes alturas e machuquem quem está passando pela obra.

Solicite seu orçamento clicando aqui.


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page